O Douro, Seus Vinhos e Sua Gastronomia.


O tradicional cenário com vinhas velhas, delimitado por terraços estreitos com paredes de pedra mudou em vários lugares, mas ainda é preservado como patrimônio cultural mundial da UNESCO. A região do Douro ganhou fama internacional por conta do Vinho do Porto, um vinho fortificado, que no passado encantou os ingleses e atualmente é uma deliciosa opção de vinho de sobremesa.

Nas últimas décadas os produtores da região se modernizaram não só nos equipamentos de vinificação, mas também no estilo dos vinhos, que outrora eram demasiados encorpados e rústicos e atualmente são elegantes e macios.

No Douro ainda se pratica (em algumas vinícolas) a “pisa”, a maneira antiga de prensar as uvas com os pés em grandes lagares de pedra, e também por lá, existe uma infinidade de videiras antigas, as vinhas velhas, com mais de 60 anos e que produzem vinhos de excepcional qualidade.

Para brindar esta bela região portuguesa proponho uma harmonização de pratos típicos da região com vinhos da Quinta da Pacheca, um tradicional produtor de renome internacional.


Cabrito Assado com Batatas e Arroz de Forno: Este prato de carne marcante é muito consumido aos Domingos pelos Durienses (receita em: http://www.bestofdouro.com/cabrito-assado/), e o vinho perfeito para acompanhá-lo é o Pacheca Tinto Superior DOC, muito equilibrado, elegante e persistente.

E para a sobremesa minha sugestão é:

Cavacas de Resende: Este doce encanta pela simplicidade e pelo sabor (receita em: http://www.bestofdouro.com/cavacas-de-resende/), que quando acompanhado de um cálice de Vinho do Porto, como o Pacheca Tawny, nos levam ao Paraíso.


Os vinhos aqui citados e outros mais você encontra no Emporio di Bacco.


Saúde!!!

Claudio Pinto